InícioO InstitutoAssociadosEventosParceriasArqueologia MarinhaNotícias

 

 I n s t i t u t o    d e   C u l t u r a    E u r o p e i a   e   A t l â n t i c a

Parceiros Comerciais

 

 

 

 

 

 

 

» Protocolos de Colaboração

 

 

Academia de Marinha

A Academia de Marinha é um organismo cultural da Marinha Portuguesa, cuja actividade se centra no estudo, investigação, divulgação e publicação da cultura marítima.

 

 

Academia Portuguesa da História

A Academia Portuguesa da História, instituição científica estatal, criada pelo Decreto-Lei n° 26611, de 19 de Maio de 1936 é a legítima herdeira da mais antiga Academia nacional – a Academia Real Portuguesa da História – fundada por D. João V, conforme decreto de 8 de Dezembro de 1720.

 

 

Associação de Cultura Lusófona

A Associação de Cultura Lusófona é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, formada maioritariamente por investigadores e professores de vários graus de ensino.

 

 

Câmara Municipal de Mafra

Com uma área de cerca de trezentos km2 , o Concelho de Mafra é constituído por 17 freguesias:
Azueira, Carvoeira, Cheleiros, Encarnação, Enxara do Bispo, Ericeira, Gradil, Igreja Nova, Mafra, Malveira, Milharado, S. Miguel de Alcainça, Santo Estevão das Galés, Santo Isidoro, Sobral da Abelheira, Venda do Pinheiro e Vila Franca do Rosário.

 

Centro de História - Univ. Lisboa

Constituído, aproximadamente, por cinquenta Investigadores doutorados, este Centro, em plena fase de renovação, tem desenvolvido o seu trabalho nas áreas da História Cultural, Política e Social, com especial destaque para as temáticas ligadas à Memória e Identidade Nacional.

 

Circulo Mar de Letras

O Circulo Mar de Letras é constituído por um grupo de leitores associado às edições Mar de Letras - Ericeira.

Iniciou-se em 1995 na Tabacaria OVNI, com o objectivo de criar condições para a manutenção de uma estrutura editorial assente num circulo de interessados pela História e Cultura desta região. 

Actualmente, tem um Conselho Editorial composto por sete pessoas.

 

Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa

A Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FLUL), unidade orgânica da Universidade de Lisboa, herdeira do curso superior de Letras, fundado em 1859, é uma instituição universitária de natureza pública, que se dedica ao cultivo do saber, na tradição renovada das humanidades.
 

 

Junta de Freguesia da Ericeira

A Junta de Freguesia da Ericeira tem a sua sede no Largo de Santa Marta, 9.

 

 

Junta de Turismo da Ericeira

 

A JTE foi criada em 10 de Janeiro de 1937, na sequência da Comissão de Iniciativa e Turismo da Ericeira que tinha sido  fundada em 4 de Junho de 1921.

A jurisdição da JTE estende-se, para além da freguesia da Ericeira, às freguesias de Santo Isidoro, Encarnação e Carvoeira.

A sede da JTE encontra-se instalada em edifício classificado (antigo café Bijou Arcada), situada na Rua Dr. Eduardo Burnay, 46 - 2655 Ericeira.

- A Junta de Turismo da Ericeira foi extinta pelo Dec. Lei n.º 67/2008 que entrou em vigor em 11 de Abril de 2008, passando a funcionar a partir dessa data como posto de turismo da CMM.

 

Santa Casa da Misericórdia da Ericeira

Por escritura pública, celebrada no dia 29 de dezembro de 1678, foi fundada a Santa Casa de Misericórdia da Ericeira, por Francisco Lopes Franco, natural desta vila.

Em 1761 foi construído o edifício de um novo hospital, que se localizava onde actualmente está instalado o asilo, ignorando-se qual o local onde funcionou o primitivo, que já existia em 1741. O edifício do actual hospital foi entregue à Santa Casa em 1910 e em 1927 o Ericeirense Jorge da Silva Fialho fundou no edifício do antigo hospital um asilo para a velhice.

 

Sociedade de Geografia de Lisboa

A Sociedade de Geografia de Lisboa foi criada em 1875. É uma instituição, nas suas origens e nas suas finalidades, muito ligada ao contexto português dessa época, à situação da Europa desse tempo e ao que era a problemática da nossa posição no Ultramar e especialmente em África.

A sua Biblioteca é actualmente reconhecida, nacional e internacionalmente, como muito importante especialmente nas áreas da História dos Descobrimentos e Expansão, Geografia e Etnografia da comunidade dos países de língua portuguesa. É composta por mais de 62.000 obras, inúmeras revistas e cerca de 6.000 documentos manuscritos, para além, do importante espólio cartográfico. O acervo museológico, de grande valor patrimonial, é constituído fundamentalmente por peças ligadas aos Descobrimentos e a objectos culturais de representação etnográfica de África e Ásia.

 

Tapada Nacional de Mafra

Criada no reinado de D. João V, após a construção do Convento, como um parque para lazer do monarca e da corte, a Tapada Nacional de Mafra constitui hoje um património natural de características únicas. Numa área de mais de oitocentos hectares, veados, gamos, javalis, raposas, aves de rapina e muitas outras espécies coexistem num cenário de flora invulgarmente rica e diversificada. Local de eleição dos soberanos de Portugal para o lazer e para a caça, a Tapada de Mafra ganhou por isso um cunho próprio de nobreza que ainda hoje é preservado e continuado.
 

 

 

 

2007 Optimizado para resolução 1024 x 768 e Internet Explorer. Desenvolvido por ICEA-GIC